3 mitos sobre o glúten

a gluten free breads on wood background

Nos últimos anos, a ideia de realizar uma dieta sem glúten para ter uma vida saudável, além da perca de peso, se tornou popular entre as pessoas. 

No entanto, a eliminação do glúten de nossa dieta é um método eficaz para alcançar um peso saudável? Para responder primeiro, precisamos saber:

O QUE É GLÚTEN?

É uma proteína presente em cereais como trigo, cevada, centeio e, em menor grau, na aveia. Também pode ser adicionado aos produtos como parte dos ingredientes ou estar presente por razões do processo de fabricação.

Milhões de pessoas consomem glúten através de alimentos que fazem parte de sua dieta diária, saudáveis ​​ou não.

Mas um dos produtos aos quais está mais associado é, sem dúvida, os fabricados em fornos de pães industriais. Por exemplo, o glúten é o que torna o pão um produto mais macio, fazendo a massa crescer. 

MITO 1: “GLÚTEN É PREJUDICIAL À SAÚDE”

Sendo uma proteína, recebemos muitos benefícios, como qualquer outro alimento, desde que seja consumido em uma dieta variada e equilibrada.

No caso de pessoas com doença celíaca, o glúten causa complicações digestivas (diarreia, constipação, dor, baixa absorção de nutrientes, entre outros). Estima-se que um por cento da população mundial tenha essa condição.

MITO 2: “NÃO COMER GLÚTEN ME FARÁ PERDER PESO”

O glúten não causa ganho de peso. As pessoas que eliminam o glúten de sua dieta são forçadas a deixar certos alimentos que também contêm carboidratos refinados, enquanto aumentam o consumo de frutas, vegetais e fibras, razão pela qual está associado à obtenção de um peso saudável.

No entanto, remover glúten dos alimentos significa remover muitos alimentos da dieta que podem causar deficiências devido à baixa variedade de nutrientes. Portanto, antes de fazer dieta ou eliminar certos alimentos, consulte um nutricionista.

MITO 3: “ALIMENTOS SEM GLÚTEN SÃO BAIXOS EM CALORIAS”

Isso também é falso, pois a ingestão calórica depende da soma de todos os ingredientes contidos no produto, não apenas do glúten. Por exemplo, um pacote de biscoitos de chocolate sem glúten pode fornecer o mesmo conteúdo calórico de um pacote com glúten, eles podem até ter mais calorias, pois para preservar as características dos produtos, é possível que uma quantidade maior de gordura seja adicionada.

Conclusão: se não houver motivo médico para apoiar a restrição do consumo de glúten, podemos consumi-lo dentro de uma dieta correta e equilibrada em nutrientes.

AUMENTE SUAS VENDAS

Conheça nossa linha de equipamentos para padaria e alcance mais resultados com os produtos Europan Brasil.

Entre em contato

Fonte: Assessoria Europan Brasil

Open chat
Powered by